Notícias

Famílias quilombolas ampliam suas produções com recursos estaduais

Eliete Amâncio 

Cerca de 100 famílias quilombolas do povoado de Cajá dos Negros, no município de Batalha, foram beneficiadas nesta terça-feira (28) por uma liberação feita pelo Governo do Estado através da Desenvolve Alagoas. A transferência de crédito será essencial para a manutenção das plantações e criações destes remanescentes que sobrevivem da agricultura familiar. 

Durante o evento, o governador Renan Filho junto ao presidente da Desenvolve, Rafael Brito, entregaram o cheque simbólico aos produtores no valor de R$ 130 mil que servirão para compra de insumos, estoque da produção e ampliação da mesma. 

Cajá dos Negros é conhecido por ser uma importante comunidade quilombola de Alagoas. Os moradores declaram seu orgulho pelo local onde vivem sem ressalvas, onde afirmam querer continuar firmando moradia, mas com as condições necessárias para uma vida com dignidade e chances para estudar e trabalhar. 

“Essa liberação proporcionará aos moradores do povoado a oportunidade para continuarem em seu local de origem, com a possibilidade de manterem e melhorarem suas produções e encontrar novas oportunidades de estudo e sobrevivência digna”, mencionou Rafael Brito, presidente da Desenvolve. 

Renan Filho disse que cada liberação promovida pela Desenvolve resgata um pouco da dignidade e bem estar dos alagoanos do interior que esperam contar com o poder público para auxiliá-los em seus pequenos negócios. “São cem famílias que vivem do que produzem e ajudam a fortalecer a economia de sua comunidade”, afirmou. 

A prefeita do Batalha, Marina Dantas, também presente ao evento, agradeceu o apoio do Governo do Estado ao se empenhar para ser parceiro do município e levar desenvolvimento à região. 

Casos como o da criadora de porcos e galinhas Maria Dilce Barbosa, que conseguiu junto ao marido um recurso de R$ 7.800,00 para investir na ampliação da criação. “Nunca tivemos aqui uma oportunidade como essa. Graças a Desenvolve poderemos aumentar nossa renda”, disse a produtora. 

Já na zona urbana de Batalha, o pequeno empreendedor José Fabiano da Silva conseguiu R$ 3 mil para a compra de um carrinho para a venda de lanches. “A compra desse carrinho está me ajudando a sustentar minha família, a comprar roupa, material escolar e comida para os meus filhos”, afirmou José Fabiano. 

Os produtores tiveram ainda a oportunidade de assistir a uma palestra sobre Educação Financeira ministrada pelos técnicos da Desenvolve Carolyna Arruda, Gabriel Lumba e Thiago Pires, com dicas de como gerenciar suas finanças domiciliar e empreendedora.